6 países que falam inglês para fazer intercâmbio

Uma das melhores opções para quem deseja aprender um novo idioma é fazer um intercâmbio. Muitas pessoas têm preferência por países que falam inglês, já que é uma língua universal e isso facilita um pouco a experiência.

Contudo, um detalhe importante é que a viagem não precisa ser direcionada apenas para o aprendizado do idioma. Qualquer pessoa pode aproveitar a chance para se especializar em outras áreas e até mesmo para o seu desenvolvimento pessoal. Afinal de contas, a vivência no exterior é capaz de promover uma série de benefícios.

E você, o que acha de tudo isso? Quer saber quais são os países mais procurados por quem já fala inglês? Descubra a seguir as características de cada um dos destinos!

1. Estados Unidos

Esse é um dos países mais escolhidos pelos intercambistas brasileiros e do mundo inteiro. Uma das maiores economias mundiais, os EUA reúnem diversos aspectos que atraem as pessoas, como ser uma potência tecnológica e uma referência no ramo do entretenimento.

No entanto, como o país tem uma grande extensão, a realidade é que cada região apresenta suas diferenças. Morar em Los Angeles, Nova York ou Miami são situações bem distintas. Além dessas cidades muito conhecidas, ainda existem muitas outras (inclusive as que não são muito famosas).

Isso quer dizer que a variedade de oportunidades é imensa para quem escolhe fazer intercâmbio nos Estados Unidos, sendo possível explorar várias culturas dentro de um mesmo território. Uma das grandes vantagens é ter um forte sistema educacional, o que também oferece inúmeras possibilidades para os estudantes estrangeiros.

2. Austrália

A terra dos cangurus é uma outra opção para quem prefere um destino de língua inglesa. Apesar de ser um tanto distante do Brasil, existe a vantagem da temperatura ser mais parecida com a nossa. Os australianos desfrutam de bastante sol e um clima temperado durante a maior parte do ano.

A receptividade do povo é outro ponto relevante, o que normalmente é ressaltado pelos brasileiros que já passaram por lá. Por mais que a cultura seja diferente da nossa, o povo da Austrália é conhecido por ser alegre e acolhedor — até porque o país tem uma das maiores diversidades culturais do mundo.

Para quem gosta de paisagens naturais e atividades esportivas, essa pode ser uma ótima escolha. Nada melhor do que aproveitar o tempo livre de forma interessante e divertida, não é verdade?

3. Inglaterra

O berço da língua inglesa e da rainha Elizabeth é mais um destino muito procurado. Para aqueles que gostam do sotaque britânico, não há uma forma mais adequada de aprender esse diferencial do que vivendo um tempo na Inglaterra.

Há muitas instituições de ensino de renome mundial, o que pode incrementar o seu currículo e garantir uma experiência enriquecedora. Toda a história do país ainda oferece uma grande bagagem cultural, especialmente para os apreciadores de museus, castelos e monumentos.

A capital, Londres, está entre as cidades mais cosmopolitas do planeta. É conhecida pelo tempo chuvoso, mas também por proporcionar uma pluralidade de atrações difíceis de serem encontradas em outro lugar. Para completar, um dos benefícios de ir para a Europa é poder viajar por vários países sem gastar tanto tempo ou dinheiro.

4. Canadá

O Canadá tem dois títulos bastante atrativos para quem está procurando fazer um intercâmbio: tem um dos melhores sistemas educacionais do mundo e está sempre no topo dos rankings das pesquisas sobre qualidade de vida.

De fato, trata-se de um excelente país para viver — ainda que seja por tempo determinado em um intercâmbio. Uma questão que precisa ser considerada é a condição climática. Quem não gosta de frio provavelmente vai ter certas dificuldades ao morar em solo canadense, sobretudo na costa leste que é mais gelada.

É claro que existe uma infraestrutura para sobreviver às baixas temperaturas, mas alguns brasileiros acabam sofrendo um pouco com isso. Se não for um problema, aproveite que a política para os imigrantes costuma ser favorável. Quer mais uma boa notícia? O país conta com segurança e um ótimo serviço de meios de transporte públicos.

5. Irlanda

Já faz alguns anos que a comunidade de brasileiros na Irlanda é bem grande. Muitos foram para aprender inglês e gostaram tanto do país que ficaram para fazer outro curso, trabalhar ou construir a vida. Dublin, Cork e Limerick estão entre as cidades que mais recebem estudantes.

Um ponto positivo desse destino é a parte da riqueza cultural e natural. Outra vantagem é oferecer um custo de vida mais barato do que o praticado no Reino Unido e em outros países europeus, com destaque para uma vida noturna conhecida por ser bem agitada.

O idioma tem muita influência da vizinha Inglaterra, embora tenha suas particularidades — escutar um legítimo irlandês falar pode causar certa estranheza para quem não está acostumado.

6. África do Sul

Se antigamente a África não estava no caminho dos intercambistas, hoje o cenário é um tanto quanto diferente. Como são muitas as línguas faladas no continente, a África do Sul é o local mais indicado de lá para quem quer aprender o inglês ou aproveitar que já domina o idioma.

Sem dúvidas, o país cresceu muito recentemente. Hoje, apresenta uma economia estável, com a democracia fortalecida e uma enorme vontade de receber o mundo todo. As escolas também se modernizaram e há muitas oportunidades de estudo.

Conhecer de perto a cultura africana é um outro privilégio, sem contar que fazer um safári está entre os passeios considerados como mais impressionantes e incríveis da vida. Uma boa ideia para quem está pensando em morar um tempo fora é procurar um trabalho voluntário para fazer na África do Sul, o que seria tipo unir o útil ao agradável, concorda?

Enfim, essas são algumas sugestões de países que falam inglês para fazer intercâmbio. Se você tem pensado nisso, não deixe de fazer uma pesquisa profunda antes de tomar qualquer decisão. Vale muito a pena buscar referências e tentar conhecer o destino mesmo de longe.

Aliás, para completar a sua leitura com mais informações, que tal ler um e-book completo e gratuito sobre intercâmbios para a formação da língua inglesa? Aproveite para acumular mais dicas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *