Jogos para aprender inglês nas férias!

Ao longo do ano, frequentar uma escola de inglês pode ser comum entre as crianças e adolescentes. Mas, quando chegam as férias, como é possível continuar praticando o idioma? Como preparativo para esse período sem aulas, você pode planejar jogos para aprender inglês. Eles funcionam como uma alternativa para aliar diversão e ainda treinar uma segunda língua.

Aprender enquanto brinca permite que o conhecimento seja adquirido de forma mais rápida, prática e permanente. Escolas de inglês propõem metodologias inovadoras como forma de ensinar, como a jardinagem, a prática de esportes e, por que não, os jogos?

Neste post, mostraremos exemplos de jogos que podem ser incluídos na rotina de férias do seu filho e que vão ajudá-lo a assimilar vocabulário e pronúncia enquanto se diverte. Tem interesse no tema? Siga conosco e fique por dentro do assunto!

Formas em que os jogos podem ajudar no aprendizado

Há várias formas de aprender inglês e uma delas é por meio dos jogos. Música, filmes e brincadeiras são grandes auxiliares nesse aprendizado. Inserir o novo idioma no dia a dia e na rotina da casa é tarefa fundamental e os jogos são grandes aliados, uma vez que aliam o idioma e a tecnologia em uma só plataforma.

Como os jogos possuem estrutura adequada a cada idade, cores chamativas, animação inteligente, músicas, além de diálogos em inglês e possibilidade de legendas com tradução, é tarefa simples atrair a atenção de quem interage com eles.

Melhores opções de jogos para aprender inglês

Para facilitar a vida dos pais e dar boas opções aos filhos, daremos exemplos de jogos interessantes que ajudam no aprendizado da língua. Confira!

The Begginer’s Guide

The Begginer’s Guide é um jogo diferente dos tradicionais e o objetivo é completar jogos inacabados deixados por um jovem em uma pasta de computador e que nunca foram lançados. A tarefa do player é avançar por cenários e completar os jogos.

Do ponto de vista do treinamento da língua, ele é interessante pois caberá ao jogador acompanhar as orientações feitas em inglês dadas pelo narrador e, enquanto isso, é possível treinar o idioma e — principalmente — a compreensão das palavras por meio das legendas em inglês.

Série Pokémon

Os Pokémons são personagens bastante conhecidos nas telinhas. Com a fama, o desenho acabou virando jogo e é considerado um dos melhores para praticar e aprender inglês.

O game está disponível tanto para smartphones Android e iPhone quanto para vídeo game. Conta com grande quantidade de textos e descrições, mas de menor complexidade, o que facilita a compreensão, e isso permite ao jogador se familiarizar com a escrita e pronúncia.

World of Warcraft

O jogo retrata o mundo de Azeroth e cabe ao jogador eliminar monstros e completar missões com o uso de itens mágicos e superpoderosos para avançar de fase.

Apesar de ter versões traduzidas, World of Warcraft deve ser jogado em inglês, pois há textos que explicam cada missão e a linguagem pode ser alterada a qualquer momento. Também é contada uma história sobre o game para quem deseja se aprofundar na história. Nesse caso, o inglês pode realmente ser aprofundado. Mesmo assim, é usado um vocabulário simples e acessível.

Sherlock Holmes

O personagem Sherlock Holmes é tão conhecido que virou jogo. O game é uma boa maneira de aprender o idioma, já que é possível ouvir em inglês e utilizar a tradução para o português como forma de aprendizado.

Sherlock Holmes retrata a história do famoso detetive que precisa investigar crimes enquanto outras tramas vão se desenrolando.

Por obrigar o jogador a prestar atenção nos diálogos e informações na tela para passar de fase, o inglês é realmente praticado entre os jogadores. Há versões tanto para computador quanto para videogames.

Como você pôde perceber, existem muitos jogos para aprender inglês que podem ser utilizados como ótimas ferramentas de entretenimento durante as férias. Aliar os games a outras atividades como ver filmes, séries e brincar enquanto pratica um segundo idioma é muito interessante para fixar vocabulário e treinar a pronúncia.

E aí, gostou do assunto do post? Ficou com alguma dúvida? Tem alguma experiência para compartilhar? Então deixe um comentário abaixo e participe da conversa!

Powered by Rock Convert